• Amanda Ribeiro

Viagem de férias com criança com Autismo


Essa foi a nossa primeira viagem longa de férias com o Arthur após o diagnóstico do autismo. Nas últimas viagens nós sofremos um pouquinho, teve uma viagem que o Arthur ficou 3 dias sem tomar banho porque o banheiro era escuro o chuveiro forte! Teve um passeio durante uma viagem que ele não quis entrar de jeito nenhum, desta vez fomos mais preparados e estudados! O roteiro foi feito com pouca antecedência, mas por ser baixa temporada, foi muito tranquilo. Primeiro fomos para Caldas Novas - GO, ficamos 4 dias, fomos para os parques aquáticos termais Di Roma, Lagoa e Hot Park no Rio Quente Resorts. Saímos de Caldas novas e fomos para Olímpia - SP ficamos 4 dias, para curtir mais água quente no Thermas dos Laranjais, e fechamos com mais 5 dias em Bertioga - SP dentro da colônia de férias do Sesc.

Rotina

É muito importante manter a rotina para uma criança com autismo mas nas férias é bem difícil de manter, porque é tudo novo e desconhecido. Eu desencano um pouco mas tento manter algumas coisas que fazemos em casa para ele se sentir bem, como por exemplo: hora da soneca, em qualquer lugar ter a hora da história, as musiquinhas que canto pra ele acordar e outras coisinhas.

Sono

Manter a rotina do sono é difícil mas não é impossível, por aqui eu e o papai somos bem alinhados, durante a viagem a gente segue a rotininha do Arthur.

O Arthur acorda por volta das 8h00 e toma leite e aí a gente coloca ele para cansar ... rsrs deixa ele gastar bastante energia. Ofereço água e frutinha no meio da manhã e corre para o almoço, 12h o menino já tá com fome pedindo comida, depois do almoço tem a sonequinha, não importa o lugar ofereço o sono e ele sempre dorme , dependendo da atividade da noite eu deixo ele dormir mais ou menos, às vezes passa do horário mas eu sempre busco colocar ele para dormir até umas 22h no máximo.

Banho

O Arthur é uma criança de fases , cada dia é uma coisa, tem dias que ele não quer água no rosto, agora ele tá na fase de chorar para lavar o cabelo, e nem liga para água no rosto.

Como ele não conhece o banheiro e nem o chuveiro, às vezes chuveiro de hotel é muito forte, eu levo uma piscina inflável que ele já conhece e também levo os brinquedos de banho dele

Alimentação

Como fica a alimentação na viagem?

Café da manhã: conturbado

Almoço: Perfeito

Jantar: mais ou menos

O Arthur está bem difícil de tomar café da manhã, quando estamos em casa a gente sai todos os dias muito cedo para as terapias o Arthur toma uma mamadeira de vitamina e depois umas 10h come uma fruta e depois já almoça, por aqui na viagem ele acorda umas 7h pede uma mamadeira depois na hora de ir tomar café não quer comer nada, nem ovo, nem frutas

Depois quando é 10h00 pede leite eu dou uma fruta aí ele aceita, 11h49 ele está desesperado para almoçar. O almoço é assustador ele fica papa, papa, come igual gente grande, come de tudo, arroz, feijão verdura, legumes, tudo! No final pede água, ele come sem assistir, aí quando já está no final que começa a querer sair da cadeirinha colocamos o IPad para a gente conseguir almoçar. Não é o ideal mas usamos o IPad para ter um pouquinho de tranquilidade.

O jantar, o Arthur ama arroz e feijão, mas a gente não aguenta comer arroz e feijão a noite, a gente quer comer lanche, mas o Arthur não come lanche, porque eu não gosto de dar besteira, nos primeiros dias de férias em Caldas Novas - GO uma noite a gente comeu pizza, ele dormiu, no outro dia comemos massa, no outro dia comemos picanha, eu gosto de ir em lugares que tenha lanche pra gente e comida para ele, assim todo mundo fica feliz. Em Olimpia-SP no @enjoyolimpia a gente jantava no restaurante o jantar é delicioso com muitas opções e sobremesas deliciosas. Em Bertioga na Colônia de férias também jantávamos, o Arthur um pratão e eu comia só sopinha e pão!

Terapias

Durante a viagem não tem terapia mas tem muita vivência, lugares novos, palavras novas, textura, cheiros diferentes e muita atividade na piscina! O Arthur ama água e aproveitamos muito a piscina para ele gastar bastante energia.

Durante a viagem de carro

Eu levo um kit com uns 15 brinquedos diferentes, e iPad mas ele nem usa muito, o Arthur dorme muito, entrou no carro ele capota!

Nós paramos a cada 2 horas, para Caldas Novas são 9 a 10 horas de viagem mas nunca vamos direto, vamos até Ituverava que da 400km de São Paulo, dormimos lá e depois continuamos a viagem!

Ahhh deixo o iPad como última opção, para ele ficar o menor tempo possível!

Crises, Descontrole, Desorganização

A nossa vida gira em torno de evitar comportamentos inadequados, como eu viajo com o Arthur desde bebê ele já está um pouco mais acostumado, então estes problemas são bem raros nas viagens porque todo roteiro é organizado de acordo com a rotina, atividades que ele gosta então descontrole e crises é menos frequente não tivemos nenhum episódio durante 15 dias de viagem! Já ele ficar desorganizado e agitado é mais comum quando ele vai a lugares que ele não conhece, que tenham muitos estímulos visuais e sonoros mas durante 15 dias Arthur não desorganizou, posso dizer que foram férias perfeitas rsrs não descansei não li nenhum livro dos 10 que levei mas foram férias ótimas! No último destino o Arthur ficou com febre em Olímpia, voltamos no outro dia para SP

Precisa de dicas para viajar com crianças com autismo? Manda Aqui!

Gostou das dicas? então compartilhe com um amigo, deixe o seu comentário, siga nossas redes sociais!

Instagram: @mamaequeviaja Facebook: https://www.facebook.com/mamaequeviaja/ Youtube: Canal Mamãe Que Viaja

Abraço,

Amanda Ribeiro

#autismo #feriasemfamília #caldasnovas #thermasdolaranjais #hotpark #diroma #olimpiaresort #enjoyolimpiaparkresort #enjoyolimpia #enjoy #bertioga #sesc #viagemcom #viagemcombebê #dicasparamamães #autismonaotemcara #viagemcomautismo #viagemcomautista #viajarcomautista #criançaautista #viagemcomcriancascomautismo #feriascomautismo

21 visualizações

© 2017 por  Amanda Ribeiro a MAMÃE QUE VIAJA  

  • Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Pinterest Social Icon